>

Pesquisar:

quinta-feira, 26 de janeiro de 2017

Sem medo de construir



O motivo desse post é o receio que a maioria dos clientes que me procuram tem ao iniciar a obra de sua primeira casa.

Ao mesmo tempo em que se trata de uma grande realização pessoal, é comum aparecerem dúvidas e inseguranças, devido ao alto investimento e a vontade do resultado perfeito, pois apesar de todo o teor técnico da questão, estamos falando da realização de um sonho e talvez o maior investimento de suas vidas até o momento.

Perguntas frequentes de quem nunca investiu nesse ramo são:
- Para construir uma casa térrea vou gastar menos com relação ao sobrado?
- Quanto tempo vai levar para concluir a obra?
- Qual a fase da obra em que o custo é mais elevado?

Vou discorrer sobre cada uma delas e espero auxiliar para um esclarecimento inicial:

- É muito relativo o custo que se tem da casa térrea com relação ao sobrado, respondendo cruamente pode-se dizer que a casa térrea é mais econômica pois a estrutura é dimensionada apenas para um pavimento e exige-se menos tempo de mão-de-obra, outra vantagem seria a facilidade de locomoção evitando o uso de escadas. Porém, antes que os fatores mencionados norteiem essa decisão, deve-se levar em conta:
Dimensões e topografia do terreno, ou seja, o terreno pode ficar pequeno diante do programa solicitado pelos moradores: quantidade e especificação de ambientes, tamanho requerido para a área externa, quantidade de vagas de garagem, lembrando que tudo será inserido obedecendo os recuos mínimos exigidos pela legislação local. Também devemos considerar que pode acontecer de o tamanho do lote comportar perfeitamente tudo o que se deseja, mas sua topografia requerer o uso de mais pavimentos, ou seja, dependendo da inclinação de aclive ou declive do terreno, para implantar uma casa térrea haverá um custo dispendioso devido à movimentação de terra, muros de arrimo e consequentemente mão-de-obra.

- Com relação ao prazo da obra:
Uma casa de padrão médio, com área a ser construída em torno de 150,00 m², pode levar de 7 a 12 meses, podendo haver exceções que aumentem ou diminuam esse prazo, levando-se em consideração fatores econômicos, padrão de acabamento, mão-de-obra a ser contratada, gerenciamento do profissional responsável que controlará o cronograma de cada etapa e a influência de fatores climáticos.
- As fases em que o custo é mais elevado, costumam ser a estrutura e o acabamento. A estrutura da casa, é composta por elementos dimensionados em cálculo estrutural, elaborado por engenheiro civil, o cálculo é realizado considerando a distribuição de cargas ao longo dos elementos estruturais (vigas, lajes, pilares), garantindo a durabilidade e segurança da construção.

Muitas pessoas orçam o que chamamos levantar e cobrir, que seria fundação, estruturas e cobertura separadamente do acabamento, para conseguirem se programar financeiramente durante a execução e assim avaliar será preciso realizar uma pausa antes de iniciar o acabamento.

Espero ter esclarecido e encorajado aqueles que estão se programando para construir mas acabam adiando por deixar as preocupações falarem mais alto. Existem sim, muitos casos de prejuízo e por consequência stress e decepção pela falta de profissionais habilitados envolvidos no processo. Por isso a importância de pesquisar, buscar referências, conhecer o trabalho de cada profissional e aí sim, iniciar a realização desse sonho sem medo de construir!



Nenhum comentário:

Postar um comentário